Menu

MENSAGEM DE PAZ

Campeão do UFC usa a Bíblia para responder rival

19 JAN 2016
19 de Janeiro de 2016
O brasileiro Rafael dos Anjos respondeu a uma provocação de Conor McGregor, seu próximo adversário, com uma passagem bíblica.
Campeão do UFC usa a Bíblia para responder rivalCampeão do UFC usa a Bíblia para responder rival

Depois de destronar José Aldo e conquistar o cinturão peso-pena do UFC, o falastrão Conor McGregor anunciou que buscaria também o título da categoria de cima, o peso-leve, atualmente em posse do brasileiro Rafael dos Anjos.

Em alta no UFC, o irlandês conseguiu a sonhada oportunidade e pode fazer história se vencer, tornando-se o primeiro a acumular o cinturão de duas categorias ao mesmo tempo.

E não tardou para que McGregor mirasse sua já conhecida artilharia verbal no brasileiro. Pelo Instagram, acusou Dos Anjos de traidor da pátria por morar nos EUA e prometeu vencê-lo em nome do povo brasileiro.

Mas o brasileiro não deixou barato. Citando Isaías 37, versículo 29, ele respondeu à provocaçãoatravés de sua conta oficial no Facebook, em português e inglês:

“Eu soube do seu ódio e do seu orgulho, e agora vou pôr uma argola no seu nariz e um freio na sua boca, e farei você voltar pelo mesmo caminho por onde veio.”

Se promovem a luta, as provações de McGregor servem também para irritar até quem não está envolvido diretamente com o combate (o lutador já é o segundo mais popular do UFC, atrás somente de Ronda Rousey).

Cristão, Rafael dos Anjos já estava engasgado com o irlandês antes mesmo dele ser confirmado como seu adversário, por conta da polêmica declaração de McGregor ao TMZ, dizendo que surraria Jesus se ambos subissem no octógono.

“Fiquei muito chateado quando ele fez aquela blasfêmia e falou de Jesus. Sou cristão e fiquei muito ofendido com isso. Acho que só a felicidade de botar as mãos nele já vai me realizar. O dinheiro é importante, todo mundo gosta e precisa, mas eu não amo o dinheiro. Ele sim, ama o dinheiro”,declarou Dos Anjos ao Combate.com.

Dos Anjos e McGregor medirão forças na luta principal do UFC 197, no dia 5 de março, em Las Vesgas.

Voltar